facebooktwitterlinkedinyoutuberss
Publicidade
:: Home :: Notícias :: Média diária de importações cresce 10,2% em agosto
Notícias Veja mais
Média diária de importações cresce 10,2% em agosto - 03/09/2013

A média diária de importações brasileiras cresceu 10,2% em agosto deste ano, em relação a igual mês de 2012, passando de US$ 833 milhões para US$ 918,1 milhões. Na mesma base de comparação, a média diária de exportações subiu 0,1%, de US$ 973,1 milhões para US$ 973,9 milhões.

Levando em conta a média diária, as exportações de semimanufaturados caíram 4,9%; as de manufaturados recuaram 3,5%; e as exportações de produtos básicos subiram 2,9%.

Com relação às importações, o destaque foram combustíveis e lubrificantes, que cresceram 41,4% na mesma base de comparação. As matérias-primas e intermediários aumentaram 8,3%; os bens de consumo, 7,1%; e os bens de capital, 4,2%.

No acumulado de janeiro a agosto, quando as exportações brasileiras somaram US$ 156,655 bilhões, a média diária foi de US$ 932,5 milhões, o que significa uma queda de 1,3% em relação ao mesmo período de 2012. Por outro lado, as importações, que somaram US$ 160,419 bilhões, registram média diária de US$ 954,9 milhões, alta de 10,1%.

Segundo os dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, as exportações de todas as categorias de produtos tiveram queda no acumulado do ano. As vendas externas de semimanufaturados caíram 5,9%; as de básicos, 1,0%; e a de manufaturados, 0,1%.

Nas importações, as compras de combustíveis e lubrificantes subiram 21,7% de janeiro a agosto, enquanto as de bens de capital cresceram 8,3%. As importações de matérias-primas e intermediários aumentaram 8,7% e as de bens de consumo, 5,5%.

Superávit de agosto

O resultado positivo de agosto, de US$ 1,226 bilhão, é o pior para o mês desde 2002, quando foi registrado superávit de US$ 1,583 bilhão. 

O Estado de S. Paulo
Calendário de eventos
Dezembro