facebooktwitterlinkedinyoutuberss
Publicidade
:: Home :: Notícias :: Em Davos, São Paulo apresenta oportunidades para atrair investidores
Notícias Veja mais
Em Davos, São Paulo apresenta oportunidades para atrair investidores - 23/01/2019

 

Com a abertura do Fórum Econômico Mundial, nesta segunda-feira (21) em Davos, na Suíça, o Estado de São Paulo inicia um novo ciclo de busca por investimentos estrangeiros com o objetivo de incrementar ainda mais sua economia e o desenvolvimento paulista em diversas áreas.

O governador João Doria e sua equipe já estão na cidade-sede do Fórum Mundial para apresentar as oportunidades aos potenciais investidores de várias partes do mundo, neste que é um dos principais encontros internacionais do planeta – em sua 49ª edição, o tema este ano é “Globalização 4.0: Moldando uma Arquitetura Global na Era da Quarta Revolução Industrial”.

“Meu objetivo prioritário é a atração de investidores internacionais para o Brasil em todos os setores da economia produtiva e também mostrar que, em São Paulo, nós teremos um vigoroso programa de desestatização”, comentou Doria sobre sua ida a Davos.

Para apresentar o Estado que é o 4º maior mercado consumidor da América Latina como um destino sólido e cheio de oportunidades para investidores estrangeiros, o governo de São Paulo lançou um site repleto de informações sobre a economia paulista, que concentra 20% dos investimentos internacionais na América do Sul.

Com 45 milhões de habitantes e maior produtor mundial de cana de açúcar, etanol e suco de laranja, se fosse uma nação, São Paulo (e seus 647 bilhões de dólares de produto interno bruto) seria a 21ª economia do mundo – atualmente possui ainda o melhor índice de desenvolvimento humano do Brasil.

A agricultura paulista representa 20% do PIB do agronegócio brasileiro, além de concentrar 36% da produção industrial do país. Na área de tecnologia e inovação, SP possui 8 centros de inovação, 12 parques tecnológicos e 13 incubadoras de startups, além de abrigar duas das melhores universidades da América Latina.

As oportunidades de investimento para o capital estrangeiro passam por projetos envolvendo alguns dos principais marcos e locais estratégicos em diversos setores, parcerias para tornar o Instituto Butantan o maior produtor mundial de vacinas, vinte aeroportos regionais para privatização, 260 km de linhas de trem intercidades e metrô, 650 mil metros quadrados para criar o Vale do Silício brasileiro, concessões para expandir a rede estadual de autoestradas, entre outros (veja mais detalhes no vídeo abaixo).

 

PROGRAMAÇÃO

No Fórum Mundial, o governador paulista João Doria começa participando do discurso e coletiva de imprensa do presidente Jair Bolsonaro, na terça-feira (22). Em seguida, Doria estará no seminário “New Era in Latin America”, que terá uma mesa formada pelos presidentes do Paraguai (Mario Benitez), Costa Rica (Carlos Quesada), Colômbia (Ivan Duque), Equador (Lenin Moreno) e Peru (Martin Cornejo). Ele também terá um jantar com integrantes do banco BTG Pactual.

Uma das principais participações do governador de São Paulo será na quarta-feira (23) como um dos palestrantes do seminário “The Future of Brazil”, junto com o presidente Jair Bolsonaro, o ministro da Economia Paulo Guedes, o ministro da Justiça e Segurança Sérgio Moro, o secretário-geral da Presidência Gustavo Bebianno e o ministro das Relações Exteriores Ernesto Fraga Araújo.

Governo do Estado de São Paulo
Calendário de eventos
Novembro